MP Mapa Contabilidade

Notícias

Como criar uma marca pessoal: peculiaridades e formas de se promover

O que é uma marca pessoal? Como criá-la? Neste artigo mostraremos como criar e desenvolver uma marca pessoal. Aprenda quais critérios e fatores são importantes, quais os benefícios e as características

Para se tornar uma pessoa de sucesso, entender algo não é o suficiente. É importante você criar uma imagem específica e se tornar alguém perceptível. Se você trabalhar constantemente em uma marca, ela certamente dará bons frutos. Uma marca pessoal permite que você reconheça uma pessoa, confie nela seu tempo, atenção e dinheiro. Elon Musk, James LeBron, Billie Eilish - não são apenas pessoas famosas, mas também pessoas que sabem muito sobre imagem e marca pessoal!

Uma marca pessoal: o que é e por que é necessária?

Uma marca pessoal é a sua imagem aos olhos das outras pessoas. É o que as pessoas pensam quando ouvem seu nome.

Uma marca pode servir para uma pessoa específica, assim como serve para uma organização, empresa, banda ou associação.

Uma marca pessoal mostra diretamente como as outras pessoas veem você. A marca mostra como você se reflete no prisma da percepção humana. Veja o caso de Donald Trump. Ele criou a imagem de um empresário experiente e bem-sucedido e essa imagem se tornou um dos muitos fatores que o ajudaram a vencer as eleições presidenciais dos EUA. Já Hideo Kojima, é considerado um brilhante produtor e desenvolvedor de jogos de computador, apesar do fato de que suas histórias costumam ser muito confusas e os desenvolvimentos do jogos levarem mais tempo e dinheiro do que o planejado originalmente.

O que compõe uma marca pessoal?

É preciso prestar atenção a diversas nuances durante a criação de uma marca pessoal. Quanto mais completas as informações sobre você (ou sobre o objeto promovido) forem apresentadas, mais rápido o público se familiarizará com as suas ofertas e acreditará em seu conhecimento especializado. Mas não se assuste, o que à primeira vista pode parecer algo difícil de entender, será um pouco mais simples quando posto em prática.

Vamos considerar os detalhes mais importantes:

• Identificação. Aqui, você precisa explicar ao público quem você é e o que é. Qual é a tua ocupação? Talvez você seja um especialista na área de música ou de negócios... Conte a respeito disso.

• Conhecimento especializado. Por que as pessoas devem ouvir a sua opinião? Prove a validade de sua posição ou opinião na área que você representa.

• Valores. Conte o que orienta o seu trabalho. Em quais valores você confia? Apresente a sua própria visão e filosofia para que as pessoas entendam com o que estão lidando.

• Objetivos. Não há necessidade de falar sobre seus próprios desejos pessoais! Se concentre exatamente no que os clientes podem obter trabalhando com você.

• Originalidade. Explique como você se diferencia de seus concorrentes e por que merece a atenção dos usuários.

• Imagem. Crie algo que será associado a você. Pode ser, por exemplo, um penteado, roupas, sapatos ou um comportamento incomum.

• Lenda. Conte ao público a história de seu sucesso pessoal ou conte sobre episódios da sua vida que o incentivaram a formar seu próprio conceito.

• Garantias. Fale sobre o motivo para que as pessoas confiem apenas em você e não em outro indivíduo! Fique livre e não tenha medo de declarar que você é exatamente o especialista na qual as pessoas podem apostar!

Como promover uma marca pessoal: instruções passo a passo

Qualquer tarefa fica muito mais fácil de realizar se você a dividir em várias etapas. Este microplanejamento permitirá não só dar mais atenção a certos aspectos da formação da marca pessoal, mas também levará em consideração tudo o que é necessário para uma promoção efetiva: desde o posicionamento competente de objetivos até a formação de conteúdo e postagem.

Metas e Estratégia de Promoção Pessoal

É bom quando o seu objetivo é também um estímulo: ele se tornará um motivador para você mesmo em tempos difíceis. Ele deve servir como uma diretriz que você quer alcançar (será melhor desenvolver de forma independente uma estratégia de promoção pessoal). Imagine algo como atingir a marca de 1 milhão de seguidores no Instagram em 1 ano. Não é um objetivo legal? Contudo, a estratégia ajudará a entender se seu plano está avançando na direção pretendida ou se alguns ajustes precisam ser feitos. Para isso, muitos especialistas na área de imagem pessoal recomendam estabelecer metas intermediárias.

Comunicação e Mensagem

Você deve separar esses dois conceitos. Vamos pensar na função de uma ferramenta de comunicação: em qual plataforma seu texto será colocado? Não é segredo que as redes sociais e os apps de mensagens instantâneas têm públicos diferentes... e isso também deve ser levado em consideração ao criar o conteúdo antes de publicá-lo.

Já a mensagem se trata do sentido do seu conteúdo. É o que você está tentando colocar na alma do seu público.

Planejamento

O planejamento detalhado do processo de promoção de sua marca pessoal é fundamental para um bom desempenho do seu projeto. É importante para entender o quão rápido você está se movendo em direção ao seu objetivo. Cada meta e objetivo deve ter uma data estabelecida para prazo final. Para fazer isso, crie um plano onde as datas para a implementação das metas estarão descritas. Se isto não for feito, você perderá o controle sobre o processo de criação da sua marca pessoal. Se algo der errado, você não será capaz de entender o que causou e fazer os ajustes em tempo hábil.

Apresentação Visual da Sua Marca

Você nunca deve esquecer a aparência. Sim, uma marca pessoal pode ser muito interessante, mas uma “imagem visual” otimizada e até idealizada pode aumentar significativamente a sua audiência.

Elementos como fonte, logotipo e cores são extremamente importantes. Com a ajuda deles, a sua marca poderá “chamar a atenção” de muita gente.

No programa Adobe Illustrator, você poderá criar um logotipo pessoal e definir o esquema de cores da sua marca. Se for difícil para você fazer isso sozinho ou se você não tiver muito tempo, tente usar um criador de marca online Logaster. Ele é uma ferramenta que oferece uma solução realmente ótima. Lá você pode inserir o nome da sua marca, o slogan e escolher seu próprio tema e cores. Além disso, você terá um grande número de opções de materiais para a apresentação visual da sua marca.

Análise

Não tem certeza sobre quem seguirá seu conteúdo? Você está pensando no que seu público gosta? Uma ferramenta de análise irá ajudar você a entender as coisas que você não poderia sozinho! Serviços como: smm.planersmm planer, hootsuite, google trends e analytics - permitem que você veja o número de visualizações que você tem e permitem saber exatamente quando as pessoas param de ler ou assistir você. Com a ajuda de ferramentas modernas, você poderá encontrar seu público-alvo, entender a necessidade dele e fazer com que cada publicação “acerte no alvo”.

É necessário fazer tais análises tanto na fase intermediária para atingir os estágios de meta, quanto ao publicar o conteúdo em um novo formato. É sempre importante entender se você está indo na direção certa ou se começou a fazer algo errado. Entenda seus erros!

Trabalho com conteúdo: o que, onde e como publicar

Após decidir o seu conteúdo e encontrar o público-alvo, é hora de iniciar a publicação. E qual ferramenta ajudará você nessa questão? Claro, um plano de conteúdo bem escrito! Por exemplo, você poderá enviar 30 publicações por dia, mas será que todas elas serão lidas? Provavelmente, o leitor simplesmente não terá tempo e paciência suficientes para ler tudo. Não se esqueça de que você precisa experimentar temas diferentes. Às vezes, fotos com gatos são postadas até nas páginas oficiais de canais de televisão...

Usar apenas materiais informativos e analíticos poderá cansar o público e causar algumas associações negativas sobre você. Piadas práticas interativas e publicações de conteúdo divertido também sempre serão úteis. Use todos os recursos disponíveis!

Não se esqueça dos horários. Duas publicações não são muito por dia e se você as colocar em horários diferentes aumentará drasticamente as chances de as pessoas verem (de acordo com uma pesquisa do Buffer). Além disso, muitas redes sociais oferecem a capacidade de criar publicações pendentes - você pode escrevê-las quando for conveniente para você. No Instagram, através da conta profissional, você poderá agendar uma postagem. Você também poderá usar o SMMplanner para isso. O público verá as postagens no horário nobre, quando as pessoas voltam do trabalho ou na hora do almoço.

Conclusão

Uma marca pessoal permite que você fale sobre si mesmo e o diferencie favoravelmente de todas as outras pessoas. Além disso, uma marca pessoal, antes de mais nada, serve para você vender o seu peixe. Seu lucro e reputação dependem dela. Você deve dedicar atenção total para a criação de uma marca pessoal. Lembre-se de que cada detalhe é importante.

Últimas Notícias

  • Empresariais
  • Técnicas
  • Estaduais
  • Artigos
  • Melhores

Agenda Tributária

Período: Janeiro/2021
D S T Q Q S S
     0102
03040506070809
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31

Cotação Dólar